TEXTO DO LIVRO "VOZ DA ALMA"
Poesia e Prosa
de Rosimeire Leal da Motta Piredda

Editora CBJE - Rio de Janeiro - Brasil
Novembro/ 2005

 

Voltar para o Índice

ESQUECIDO PARA SEMPRE
Rosimeire Leal da Motta Piredda

(O soldado de guerra luta pela nação, mas seu sangue derramado não o torna verdadeiramente um herói. O tempo passa e ninguém mais se lembra dele.)

 

Rosto oval,
emoldurado por cabelos castanhos escuros, curtos.
Sobrancelhas espessas, quase negras.
Olhar distante, contemplando o que não se podia ver.
Nariz delicado, arrebitado.
Sua boca pequena estava semi aberta,
como a pronunciar frases congeladas no tempo.
No lado esquerdo da face, uma cicatriz marcante:
conseqüência de uma guerra sem vitória.
O pescoço altivo, como a demonstrar orgulho.
Na cabeça, um capacete militar:
coroa eterna de um guerreiro.
Era o busto de um herói de guerra.
E o tempo o maltratava:
A poeira o cobriu por inteiro.
O vento forçou a janela do velho museu.
O pó bailava no ar, empoeirando ainda mais o salão.
O busto que foi moldado com material antigo.
Empurrado pelo vento, tombou no chão.
E o herói, que há tempos não era lembrado,
perdeu-se em mil fragmentos.
Ficou irreconhecível!
Veio o zelador e recolheu os pedaços com uma pá,
e os jogou na lixeira.
Já não havia mais lembranças...

--------------------------------------------------------------------



Poesia - " Esquecido Para Sempre"
Texto Do Livro "Voz Da Alma"
Editora CBJE - Rio de Janeiro - Brasil -
Novembro/ 2005
Autora - Rosimeire Leal da Motta Piredda

Poesia - " Esquecido Para Sempre"
Antologia Literária Virtualismo
AVBL - Bauru - SP
Dezembro - 2005
 
\n