SEM INSPIRAÇÃO
Rosimeire Leal da Motta Piredda

(Há momentos em nossa vida que estamos vazios de nós mesmos e é impossível encontrar a essência da poesia.)

Voltar
para o Índice


Texto Do Livro
"
EU POÉTICO"
Poesia e Prosa

Editora CBJE -
Rio de Janeiro
Brasil
Agosto/ 2007

Folha de papel em branco.
Pálida, sem emoção.
Fria, como a neve recém-caída.
Ausência do sopro criador.
Criatividade do poeta no ponto zero.
Caneta nervosa.
Mil possibilidades, nenhuma adequada.
Caminho tortuoso.
Cruzamento de idéias.
Escreve o que lhe vem à mente.
Sem sentido.
Amassa o papel.
Mais uma tentativa.
Falta de concentração.
Gotas de suor denunciam cansaço mental.
Fecha o caderno.
Sem inspiração!

---------------------------------------------------------------


 

Poesia - " Sem Inspiração"
Texto Do Livro "EU Poético"
Editora CBJE - Rio de Janeiro - Brasil -
Agosto/ 2007
Autora - Rosimeire Leal da Motta Piredda