TEXTOS DO LIVRO "O CAIR DA TARDE"
Poesia e Prosa de
Rosimeire Leal da Motta Piredda

Editora CBJE - Rio de Janeiro - Brasil
Julho/ 2012

 

 

Voltar para o Índice

POEMA INACABADO
Rosimeire Leal da Motta Piredda

(Um aborto espontâneo é a perda de um feto devido a causas naturais antes de vinte semanas de gestação. )

 

Uma poetisa sentiu-se inspirada!
Iniciou-se em seu interior, uma composição poética:
uma obra literária apresentada em versos.
O amor estava subentendido em cada linha.
Todos os órgãos do organismo
se prepararam para receber um novo ser!
O papel se expandiu para acomodar a semente
que foi plantada no recôndito do seu ventre!
A caneta rabiscou o principio de uma bonita história.
O sangue correu com maior intensidade,
estendendo um tapete de boas vindas!
A vida sorriu e aguardava a hora de nascer!
Ah, mas, fatalidade!
A artista, (não se sabe por quê!)
interrompeu o processo de gestação
provocando a morte da poesia.
Descontinuação dolorosa de um sonho,
expulsão do feto.
Poema inacabado!

-------------------------------------------------------------------


 
 

Poesia - Poema Inacabado
Texto Do Livro "O Cair da Tarde"
Editora CBJE - Rio de Janeiro - Brasil
Julho/ 2012

Autora - Rosimeire Leal da Motta Piredda

Poesia: Poema inacabado
XIII Concurso Literário
Antologia Poesias Sem Fronteiras
Escritor Marcelo de Oliveira Souza
Diversos Autores -
Celeiro de Escritores - São Paulo.
2017
 
 
\n