TRAJETÓRIA DE UMA VIDA
Rosimeire Leal da Motta Piredda

(Tudo começa a mudar quando você ama a si mesma, se aceita como é e esquece os infortúnios da vida.)

Voltar
para o Índice


Texto Do Livro
"
EU POÉTICO"
Poesia e Prosa

Editora CBJE -
Rio de Janeiro
Brasil
Agosto/ 2007

Incompreensão. Medo. Solidão.
Livros. Sonhos.
Repressão. Imposição.
Cadeia. Prisão. Corrente nos pés.
Pensamentos voando para bem longe...
Brincadeiras infantis de correr atrás do outro.
Fugindo da existência, das tristezas.
Jogo de esconder-se para que alguém a encontrasse.
O esconderijo era dentro de si mesma.
Timidez, introvertida.
Leitora freqüente. Páginas viradas da vida.
Decifrar o passado escrito em idioma desconhecido.
Um ponto de exclamação e dois de interrogação.
O tempo apagou as placas sinalizadoras da estrada.
Encruzilhada, indecisão, escolha aleatória.
Atropelada por um caminhão:
a redoma foi destruída.
Pensamentos em liberdade.
Cresceu. Maturidade. Nova fase.
Rosto sério. Olhos indecifráveis.
Cicatrizes.
A janela da alma se abriu.
Voou a pomba da paz interior.
Apertou suas próprias mãos.
Fase de auto-entendimento.
Amar a si mesma,
Esquecer as folhas amareladas pelos anos...

---------------------------------------------------------------


 

Poesia - " Trajetória De Uma Vida"
Texto Do Livro "EU Poético"
Editora CBJE - Rio de Janeiro - Brasil -
Agosto/ 2007
Autora - Rosimeire Leal da Motta Piredda