TEXTOS DO LIVRO "EU POÉTICO"
Poesia e Prosa
de Rosimeire Leal da Motta Piredda

Editora CBJE - Rio de Janeiro -
Brasil Agosto/ 2007.

 

Voltar para o Índice

FIM DA SAUDADE
Rosimeire Leal da Motta Piredda

(A presença constante, atenção, incentivos, fortifica o amor, mas as ausências frequentes murcham o afeto.)

 

Martelei em forma de poesia,
sua imagem em minha mente.
Fixei seu semblante no quadro da minha alma.
A moldura era feita de sentimentos dourados.
Trabalho de pintura realizado
pelas minhas lembranças e saudades.
Obra artística do meu coração!
Uni por meio de costura o passado e o presente.
O futuro escorregou da parede dos meus sonhos.
Em vão tentei recolocá-lo
com pregos em marteladas constantes.
O golpe produzido pelo martelo
trincou o vidro que protegia sua fotografia.
Desprendeu-se dali, poeira e mofo.
O ontem escorreu pelas brechas e fugiu!
A marreta do meu vazio
reduziu a pedaços o você que havia em mim.
Diminuiu a intensidade do meu sentir.
Mudou a direção dos meus pensamentos.
Foi a distância e a ausência que desbotaram o amor,
e de tão velho e ressequido pelos anos,
desfragmentou-se e foi levado pelo vento.
Desapareceu no ar,
para sempre...

--------------------------------------------------------------------



Poesia - "Fim da Saudade"
Texto Do Livro "EU Poético"
Editora CBJE - Rio de Janeiro - Brasil - Agosto/ 2007
Autora - Rosimeire Leal da Motta Piredda
   
 
\n