Poesia Sobre O Municipio Vila Velha ES.
Poesia
Região Sudeste.

Abaixo Musicas Sobre Vila Velha Es.

TEXTOS DO LIVRO "EU POÉTICO"
Poesia e Prosa
de Rosimeire Leal da Motta Piredda

Editora CBJE - Rio de Janeiro -
Brasil Agosto/ 2007.

 

CENÁRIO DE VILA VELHA - ES
Rosimeire Leal da Motta Piredda

Prainha (Vila Velha - ES)
Local de desembarque de Vasco Fernandes Coutinho

Ponte Florentino Avidos. Fabricada em aço, construída na Alemanha, chegou ao Porto de Vitória em 1927 no Governo Florentino Avidos e foi a primeira ligação da Ilha de Vitória ao Continente. Foi apelidada de "Cinco Pontes" por se tratar de cinco pontes ferroviárias pré-fabricadas emendadas.

Museu Ferroviário Vale. Antiga Estação Pedro Nolasco, localizada às margens da Baía de Vitória, foi construída em 1927

Fábrica Chocolates Garoto. Fundada em 1929 pelo imigrante alemão Henrique Meyerfreund, sendo seus primeiros equipamentos vindos da Alemanha.

Vista do Convento da Penha


Vista do 38º Batalhão de Infantaria,
unidade do Exército Brasileiro em Vila Vel
ha.

 

 

 

Voltar para o Índice

POESIA "CENÁRIO DE VILA VELHA - ES
Rosimeire Leal da Motta Piredda

 

Vejam os rastros de Vasco Fernandes Coutinho,
sua caravela atracou na Enseada da Prainha!
Histórico 23 de maio de 1535!
Ouçam os gritos dos aborígines Goitacás
defendendo seu habitat.
Delineiem com os olhos os contornos deste litoral,
desenhando o mapa deste município.
Praias belíssimas, a começar pela Praia da Costa.
Sintam o sol que saúda o vizinho,
a capital espírito-santense:
Vitória, uma ilha majestosa!
O céu capixaba contempla
a Segunda e a Terceira pontes e a Florentino Avidos,
unindo estas duas cidades, levando-as ao progresso!
Passeiem pela cultura vilavelhense:
Homero Massena, um pintor extraordinário!
Bandas de congo, no bairro Barra do Jucu!
Um cheirinho adocicado paira no ar:
é a fábrica de chocolates Garoto!
Testemunhas silenciosas da chegada do donatário:
Morro do Moreno e Morro do Penedo!
No primeiro, das suas costas sobrevoam os albatrozes
e os esportistas praticam o salto de vôo livre.
Asas-delta encerram este cenário,
acenando para as ondas
que se curvam diante de VILA VELHA,
beijando um dos solos mais encantadores,
do Estado do Espírito Santo!

--------------------------------------------------------------------


COMENTÁRIOS SOBRE LOCAIS CITADOS NA POESIA ACIMA. :

* VILA VELHA
é um município do Estado do Espírito Santo, na região Sudeste do Brasil. A história de Vila Velha se remonta à segunda década do século XVI, quando em 1534, Vasco Fernandes Coutinho, em Alenquer (Portugal), recebeu a carta regia que o tornava donatário de uma capitania nas terras brasileiras, com a finalidade de ocupação político-territorial e gestão econômica. Ele desembarcou em 23 de maio de 1535, onde hoje é a Prainha. Vila Velha já foi a capital do Espírito Santo até 1551 quando a sede foi transferida para o município de Vitória para fugir dos constantes ataques dos aborígines Goitacás (nativos que habitavam esta região na época da colonização), e, justamente por ter conseguido vencer a batalha com os índios é que este município passou a se chamar "Vitória". Vila Velha está a 12 km de Vitória (é uma ilha e está ligada a Vila Velha por três pontes).

* CAPIXABA é quem nasce no Estado do Espírito Santo.

* HOMERO MASSENA foi um dos mais importantes pintores da história do Espírito Santo. Sua técnica impressionista é a característica principal das suas mais de 10 mil obras. Era um artista compulsivo pela natureza e pela luz existente nas paisagens.

* BANDAS DE CONGO
é uma dança folclórica do Estado do Espírito Santo, formado por um grupo musical, com dançadores, possui coreografia própria, sem texto dramático.

* BARRA DO JUCU
é um bairro que é um pequeno balneário de Vila Velha (ainda tranquilo), localizado a 15 quilômetros do centro de Vila Velha: montanhas, rios, mar, lagoa, praias, reservas ecológicas. Frequentada principalmente pelos adeptos do surf por causa de suas ondas altas.

*FÁBRICA GAROTO
é uma indústria de chocolates, desde 1929.

*O MORRO DO PENEDO
é um monumento natural de formação granítica, com 132 metros de altura, servia de ponto de apoio para a defesa de Vitória. O Penedo é utilizado como forma de sinalização e identificação da baía de Vitória. Outrora, servia de suporte para a pesada corrente de ferro que se estendia a margem fronteiriça desde o Forte São João, fechando o canal para a passagem de navios corsários.

* O MORRO DO MORENO tem 274 metros de altura e está localizada próximo ao centro de Vila Velha, é formado pela Mata Atlântica, sendo um dos lados cercado pelo mar. Possui locais para pesca, rapel, trilhas (trekking), mountain bike, rampa para Voo livre, fonte com água mineral e uma bela vista para as cidades de Vitória e Vila Velha e das praias. Ali há grande quantidade de pássaros, lagartos, insetos, flores, orquideas, arvores frutíferas, etc. No alto deste morro há várias torres de comunicação.

* OS ALBATROZES são aves marinhas de grande porte com envergadura (distância da ponta de uma asa para a ponta da outra) de 3,5 m. O albatroz passa a maior parte do tempo voando. Percorre milhares de quilômetros, durante meses, sem avistar terra. Desse modo, dorme em pleno voo, sustentado pelo vento do oceano. São aves oceânicas, que estão em mar aberto. Não costumam habitar as praias do Brasil. Mas é possível visualiza-las na costa dos Estados do Rio de Janeiro e do Espírito Santo.


Albatroz (Imagem Pixabay)


Vídeo sobre o município de Vila Velha - E.S.
Fonte - https://youtu.be/CV8sGvLy25c

 


MÚSICAS SOBRE O MUNICÍPIO DE VILA VELHA - ES - OUÇA AS MÚSICAS:

01 - PRAIA DA COSTA:
- Clique AQUI e Ouça.
.wav
Canta: Barbosa Lima
Compositor: Rubenio Marcelo/ Barbosa Lima/ Jorge Sales
(Faixa 11 - CD: "A Arte Maior de Rubenio Marcelo & Jorge Sales)

Tens o dom de encantar
Feliz quem ouve o teu som
O som que vem do teu mar
Praia da Costa
Vila Velha te pariu
Com teu jeito eloquente
Como é linda a tua gente
Teu sol brilha intensamente
No coração do Brasil

Nosso Morro do Moreno
Te contempla noite e dia
Um farol que te ilumina
Com a bênção de Santa Luzia

PRAIA DA COSTA: A margem da Avenida Antonio Gil Veloso, uma das mais belas praias do Estado do Espírito Santo, iluminada a vapor de mercúrio, calçadão em pedras portuguesa em toda sua extensão, demarcação para a prática do teste de Cooper, áreas específicas ao esporte em diversas modalidades, arborizada, canteiros centrais e estacionamentos. A vida noturna nas luxuosas boates, bares e restaurantes, atrai toda a população...

------------------------------------------------------------------

02 - MORRO DO PENEDO: - Clique AQUI e Ouça.
.wav
Canta: Johnny Paz e Rubenio Marcelo
Compositor: Rubenio Marcelo/ Jorge Sales
(Faixa 15 - CD: "A Arte Maior de Rubenio Marcelo & Jorge Sales)
Ouça Acima

Primeiro vieram os tanques,
Perfuradores, tambores,
Exércitos ianques, fossos, poços,
Poças e seus cômodos:
Vizinhos incômodos...

Depois, aquele grande navio
Debaixo da ponte
Em direção ao monte,
Sem consulta prévia, plebiscito,
No berro, no grito,
Pedaços de ferro,
Guindastes enormes...

Amanhã, não sei o que vem;
Vista bonita não faz falta a ninguém.
A mim só me resta o medo.
Um grande tormento... lamento...
O que será do Penedo?
O que será?... O que será do Penedo?


MORRO DO PENEDO:
Massa granítica de rara imponência, com 136 metros de altitude, é o mais belo ornamento da região onde se localiza. Foi nesse rochedo que Hartt, em 13 de setembro de 1867, esculpiu a cinzel dentro de pequena cova, uma marca em forma de escudo para indicar a altura alcançada pela maré daquele dia e que não voltaria a ser atingida, também, outrora servia o Penedo de suporte para pesada corrente de ferro que se estendia a margem fronteira, fechando o canal.

----------------------------------------------------------------

03 - MADALENA DO JUCU: Clique AQUI e Ouça.
.mid
Canta: MARTINHO DA VILA
Compositor: Martinho da Vila-Ass. Congadeiros do Esp. Santo


Madalena, Madalena
Você é meu bem querer
Eu vou falar pra todo mundo
Vou falar pra todo mundo
Que eu só quero é você
Eu vou falar pra todo mundo
Vou falar pra todo mundo
Que eu só quero é você

Minha mãe não quer que eu vá
Na casa do meu amor
Eu vou perguntar a ela
Eu vou perguntar a ela
Se ela nunca namorou
Eu vou perguntar a ela
Eu vou perguntar a ela
Se ela nunca namorou

Oh! Madalena

Refrão
O meu pai não quer que eu case
Mas me quer namorador
Eu vou perguntar a ele
Eu vou perguntar a ele
Porque ele se casou
Eu vou perguntar a ele
Eu vou perguntar a ele
Porque ele se casou

Madalena

Refrão
Eu fui lá pra Vila Velha
Direto do Grajaú
Só pra ver a Madalena
E ouvir tambor de congo
Lá na Barra do Jucu
Só pra ver a Madalena
E ouvir tambor de congo
Lá na Barra do Jucu

Oh! Madalena

OBS.: Esta música (congo), cantada por Martinho da Vila, ajudou a perpetuar a cidade de BARRA DO JUCU. A Madalena que se refere nesta música é a Ponte Madalena: na Praia da Barrinha, onde se chega atravessando a Ponte da Madalena (travessia apenas a pé, de bicicleta ou moto) e é por ali que se chega à Reserva Ecológica de Jacarenema, grande extensão florestal na foz do rio Jucu.

-------------------------------------------------------

04 - A VELHA VILA: Clique AQUI e Ouça.
.mp3
Canta: Carlos Papel:
Compositor: Clovis Rosa/Carlos Papel
(Faixa 12 - CD: "Carlos Papel - Coletânea - 50 Anos de Música")


Na prainha pego o teleférico
Do Convento ao Morro do Moreno
Flutuar num voo suave e pleno
Sobre o mar
As sereias da Praia da Costa
Princesinhas da areia quente
E um mergulho na praia da frente
Pituã Itapuã
As manhãs acordam mais bonitas
Quando o mar envolve Itaparica
E o Congo anuncia a farra no Jucu
Da Morada a pé por Interlagos
Assovio uma canção maluca
E mordo um belo pedaço
Da Ponta da Fruta
E assim a minha velha vila
Vila Velha meu amor eu juro
Que eu te encontro um dia destes
no futuro
minha linda Vila Velha
Eu te amo


Youtube - Hino de Vila Velha - ES, ganha clipe com os alunos de escola municipal de Boa Vista -
Fonte - https://youtu.be/39MgbsksojE



HINO OFICIAL DE VILA VELHA

CIDADE ENCANTADA
Sérgio Vilela de Moraes
Lei n. 1.354 de 22/6/1970

Venha de onde vier
Vamos chegando devagar
Com o seu povo feliz sempre a cantar.

Sob a colina sagrada
Vasco Coutinho fundou
A cidade encantada
Que a Virgem Santa abençoou.

Homens, mulheres, crianças
Juntos num só coração
Para frente Vila Velha querida
Pela grandeza da nossa nação.



Poesia - "Cenário De Vila Velha - ES"
Texto Do Livro "EU Poético"
Editora CBJE - Rio de Janeiro - Brasil - Agosto/ 2007
Autora - Rosimeire Leal da Motta Piredda
 
 
\n